Blog de Viagens

Tag Archives: Disney

Todo mundo que viajou ou pretende viajar para os EUA já deve ter ouvido falar nos Cupons de Desconto. Nas terras do consumismo, eles são bem conhecidos e com enorme aceitação em quase todas as lojas.

E seu uso é muito simples. Antes de viajar, o caboclo sai à procura dos Cupons de Desconto pelos sites mais diversos (das marcas ou especializados em cupons) e vai imprimindo todos aqueles que pretende usar. Depois, basta apresenta-lo no caixa na hora de efetuar o pagamento das compras e voalá, os descontos são concedidos na hora. 

Nas ultimas viagens, literalmente levei uma pasta de cupons de desconto. Eram tantos que na maioria das vezes acabava por me perder naquele mundo de papeis que desistia de usá-los. 

Wallet App

Wallet App

Mas com o surgimento do aplicativo Wallet da Apple que funciona como uma carteira móvel, carregar esse cupons se tornou algo muito mais simples e fácil de usar. Nele, você pode armazenar no seu telefone não só os tickets dos Cupons de Desconto, como cartões de fidelidade, cartões de presente, ingressos de cinema, passagens aéreas, reservas de hotéis e muito mais – tudo em um só lugar.

Funciona como um organizador, ideal para viajantes. O Wallet diminui a papelada que temos que carregar e facilita em muito na nossa vida, mantendo em um só lugar nossas reservas, bilhetes, cartões de fidelidade e demais itens.

Por isso, vou utilizar este post para tentar explicar o passo a passo para adicionar os cupons de desconto no app Wallet e lhe ajudar a economizar uma boa grana nas compras na próxima viagem para os EUA.

Quem tem?
O app Wallet é nativo (aplicativo que vem de fábrica) e está disponível para iPhone ou iPod touch usando iOS6 ou mais atuais. Ele deve aparecer como um dos aplicativos na tela inicial.

Por que você deve usá-lo?
Além da enorme conveniência como já citado, (chega de carregar papéis com reservas de hotéis, bilhetes de embarque, pastas com cupons de descontos, cartões de fidelidade, que acabam por se perder nas bolsas e carteiras), o app é super fácil de usar. Basta apresentar o ticket virtual diretamente do seu celular ao caixa e/ou atendente, que realizará a autenticação do mesmo através de um leitor ótico .

O que é isso?
Realmente pensar nisso como uma carteira. Seu Passbook começa vazio e você decide o que colocar dentro de sua “carteira”. É simplesmente um aplicativo de armazenamento. Você terá que adicionar promoções e cartões de aplicativos de terceiros e sites.

Como você adicionar os Cupons de Desconto na Carteira Digital?

O app começa vazio e é você que deve inserir os tickets na “carteira”. Procure pelo aplicativo Wallet em seu celular. Um ótimo local para achar os cupons é através dos aplicativos de cupons de desconto. Procure na Apple Store por app utilizando o termo “Coupons” (cupons em ingles), e lhe será mostrado diversos app com essa finalidade. Alguns exemplos de app são: The Coupons App, Coupons.com App, Orlando Coupons App e por ai vai. Após instalar, basta procurar pelas ofertas que você verá uma opção “Adicionar ao Passbook” (passbook é o nome antigo do app Wallet), ao lado de cada um. Escolha a oferta que você gostaria e, em seguida, clique em “Adicionar” ou Salvar na Wallet. Agora o ticket do seu Cupom de Desconto vai aparecer na sua carteira virtual.

adicione-a-passbook

O que mais você pode acrescentar?
Hoje, quase todas as companhias aéreas permitem que você armazene seu cartão de embarque no Wallet. Com isso, temos uma coisa a menos para nos preocupar durante a viagem sem ter que fazer malabarismos com as bolsas, malas, carteiras. E para adoçar o negócio, quando você chegar ao aeroporto, com o serviço de localização ativado, o Wallet detecta a sua localização e seu cartão de embarque aparece na sua tela de bloqueio, pronto para ser usado a um toque de dedo.

Cartão de Embarque da Tam

Cartão de Embarque da Tam

Quem mais usa Wallet?
No Brasil, a maior adesão ao app ainda são das Cias. Aéreas. Quase todas já disponibilizam seus bilhetes pelo aplicativo. Mas a cada dia mais empresas começam a permitir a utilização dos tickets para o Wallet. Nos EUA hoje, além dos Cupons de Desconto, você já pode baixar aplicativos habilitados para o Wallet como a Starbucks, Target, The Home Depot, Pinkberry, Sephora e Walgreens; comprar ingressos que são salvos diretamente no app pelos sites de bilhetes como Fandango, Ticketmaster.

Algumas dicas de uso do Wallet:  
• Se tiver problemas para leitura dos tickets dos cupons de desconto, pode ser por causa do nível de brilho em seu telefone. Para ajustar, vá até “Configurações”, clique em “Tela & Brilho” e use o controle deslizante para tornar a sua brilhante exibição.

• Se os tickets baseados em localização (como cartões de embarque) não aparecem automaticamente na sua tela de bloqueio, pode ser por que “Serviços de Localização” esteja desativados. Vá para “Configurações” e selecione “Privacidade” para acessar o status de seus Serviços de Localização e o ative.

 
• Para apagar os cupons de desconto vencidos ou já utilizados, ou qualquer outro ticket? Clique no ícone “i” de informações no canto inferior direito do ticket que surgirá a opção para apagar.


Era para ser apenas mais um dia no parque Epcot Center! Descubra porque não foi bem assim…

Como disse no post anterior sobre a viagem, nosso 4º dia fugiu completamente do que havíamos planejado! Hehehe…

Optamos por acordar cedo novamente e antes de partir para o nosso 2º parque – Epcot Center – resolvemos parar no Wal*Mart para comprar itens básicos de sobrevivência na Disney: Garrafas de água, lanches/biscoitos, produtos de higiene pessoal (shampoo, sabonete, cremes, etc) e por ai vai. Essa compra serve para se economizar alguns bons trocados com lanches e bebidas dentro dos parques, já que são todos muito caros.

Maldito Wal*Mart

Mas como já é da “sabença popular” daqueles que frequentam Orlando, o Wal*Mart não é só um simples supermercado!!! Uhauhauhuha… Ao chegarmos lá, nos deparamos com um verdadeiro “parque de diversões”. Uma loucura, principalmente para as mulheres da viagem! Os caras conseguem ter promoção de tudo…

Ou seja, entramos no Wal*Mart as 09 da manhã e não saímos de lá antes do Meio Dia. O que era para ser uma compra “básica” e rápida, acabou virando um porta malas inteiro de sacolas! Até mesmo vídeo game foi comprado! uhauhauhaa… E com isso, lá se foi a manhã de parque, mas com a promessa de retornarmos mais ao final do dia, uma vez que o supermercado é 24hs (uma boa dica!).

Menos mau que tratava-se do Epcot, parque com poucos brinquedos e com a área dos países que fica aberta até mais tarde! Dos males, o menor! Mas isso não quer dizer que o parque seja menos interessante, muito pelo contrario! Há muita coisa bacana para se ver e fazer no Epcot.

Arrumamos as coisas no carro, partimos para o parque e por lá chegamos por volta das 13hs. Um pequeno atraso na programação! hehehehe… O Epcot é um parque fantástico, e logo ao entrar nos deparamos com aquela bola incrível! Tratá-se de um parque diferente de todos os outros do complexo, criado com o intuito de ensinar e principalmente deixar um legado, o Epcot divide-se em dois ambientes completamente diferente: O Future World onde estão localizados a maioria dos brinquedos (entre eles, não perca o Soarin, um simulador de assa-delta perfeito, onde vc sobrevoa toda costa Oeste do EUA, passando por plantações de laranjas – com cheiro e tudo – e pelas belas praias da Califórnia . Durante o Soarin, morremos de rir com a preocupação da Heglay com o Antonio. Mesmo a poucos metros do chão, ela gritava para que o menino se segurasse! hehehe…

Ainda no Future World, Antonio teve a oportunidade de encontrar com todos os personagens Disney e assim, faturar seus tão cobiçados autógrafos! Muito bacana. Ficam todos concentrados numa área reservada, onde é possível tirar fotos e colher os autógrafos. A espera é longa, mas para as crianças é encantador e compensa!

O segundo ambiente do parque é o World Showcase que fica na parte de trás do Epcot, em volta de um grande lago e no local encontram-se pavilhões que representam 11 países, quais sejam: México, Noruega, China, Alemanha, Itália, Estados Unidos, Japão, Marrocos, França, Inglaterra e Canadá. Essa área só é aberta a partir das 11hs e costuma ficar aberta até mais tarde, mesmo com o fechamento dos brinquedos.

Almoçamos por lá, no pavilhão da Itália (dependendo da época, é interessante fazer a reserva nos restaurantes do parque). O local é todo inspirado na bela Veneza e logo na entrada do pavilhão já se avista um réplica da Praça “San Marco” e da “Fontana di Nettuno”. O restaurante que comemos, chama-se “Tutto Italia” e os pratos estavam maravilhosos. Pança cheia, hora de voltar a bater perna pelos pavilhões, com muito sacrifício é claro

Existe um forte rumor de que um novo país será acrescentado ao ambiente! Dou um doce para quem adivinhar qual?!?! hehehehe… Dããã!!! Mas é isso mesmo, o Brasil é o país mais cotado para assumir um novo pavilhão no Epcot e o mesmo já teria até um espaço reservado, entre os pavilhões da China e Alemanha  Seria bacana não? E bons motivos não faltam, já que os brasileiros hoje são os 2º maiores visitantes do Complexo Disney. Além do mais, já passou da hora de retirarem as camisas da seleção Brasileira do pavilhão do Marrocos e colocá-las em seu devido lugar! (isso mesmo, as camisas e acessórios do Brasil que achamos por lá, estavam em uma lojinha do pavilhão do Marrocos.

Após caminharmos até quase fecharem o parque e com os pés simplesmente destruídos, resolvemos experimentar a famosa “turkey leg” (uma coxa de peru simplesmente gigantescaaaa… E a bichinha realmente é gostosa não é Antonio?! rsrsrs…) e partimos de volta para o hotel.

Famosa Turkey Leg

Famosa Turkey Leg

Amanhã será dia de Animal Kingdom e de almoço especial no Rainforest Café (fantástico).


Veja como foi nosso 1º dia de Parque (Magic Kingdom) em Orlando – FL

Como havíamos acabado de chegar na noite passada, dormir não foi uma coisa fácil, pois estávamos tomados pela empolgação e principalmente pela magia do lugar.

Mesmo assim, tentamos acordar bem cedo e por volta das 08 hs já estávamos tomando nosso primeiro café da manhã no hotel. O local é agradável, espaçoso e com uma variedade boa p/ um café da manhã americano, mas como vc´s verão mais adiante, cansamos rápido desse café, uma vez que ele se repetia quase todos os dias.

Enquanto tomávamos café, o rapaz que presta serviços para a CVC chegou com nossos tickets dos parques e ficou nos aguardando no saguão do hotel. (sinceramente não lembro se ele chegou na noite passada, ou se pela manhã desse dia! Por mais que force a memória esse detalhe não me vem a cabeça).

Bom, como era nosso 1º dia de parque em Orlando, a empolgação tomou conta e já com os ingressos na mão não perdemos muito tempo. As 8:30hs já estávamos de saída, rumo ao nossa primeira aventura.

GPS calibrado, tralhas checadas, partimos em direção ao (p/ mim) principal parque da Disney. Aquele que não deixa duvida de que vc realmente esta entrando num Reino da Magia, já que demonstra isso até em seu nome.

 MAGIC KINGDOM! Fantásticoooo… Passar por aquele portal e não se emocionar é praticamente impossível.

Mesmo sendo uma terça feira, pegamos um parque relativamente cheio, como vc´s podem ver no vídeo postado, mas entramos sem maiores problemas e sem muitas filas. Assim que entramos, pegamos o mapa, traçamos nosso roteiro e partimos.

Parque ainda todo decorado de Natal, com uma grande arvore enfeitada na praça central da Main Street e já alguns personagens por ali, para fotos e autógrafos. (Pluto e Margarida).

As caras e bocas do Antonio eram fantásticas. Ele escondia, mas o frio na barriga por estar entrando pela 1ª vez naquele local tão encantador transbordava em seus olhos. Tudo era novidade, tudo era maravilhoso. E é claro que ele não perdeu a oportunidade de colocar o seu pin de 1ª Visita! Rsrs…

Contornamos a praça, o Antonio comprou se livro de autógrafos e saímos caminhando pela Main Street. Nos deparamos com ele, o Castelo de Cinderela… Imponente ao fundo, todo decorado. Quanto mais perto chegávamos, mais a ficha ia caindo: Sim estamos na Disney!

Após apreciar o castelo, tiramos as merecidas fotos, e foi chegada a hora de brincar. Partimos em direção a Space Mountain  onde pegamos nosso primeiro fast pass. O coisinha inteligente e fácil de utilizar que esses caras pensaram em. O tal do ticketzinho ajuda e muito na correria do parque. Da outra vez que estivemos aqui, ele ainda não existia. Com o fast pass na mão, partimos para os outro brinquedos.

De lá, partimos para o Big Thunder Mountain Railroad  que tinha um valor sentimental p/ mim, já que em 1996 (minha 1ª vez na Disney), ele foi o meu primeiro brinquedo. E vc, lembra qual foi o seu? Nessa, por puro medo, a Heglay e o Antonio ficaram de fora.

Ao sair, corremos para a tão esperada Space Mountain já que estava na hora do nosso fast pass e talvez nessa passagem, temos um dos acontecimentos mais engraçados de toda a viagem.

O pequeno Antonio, no auge dos seus 10 anos, se encheu de coragem e resolveu encarar a Space Mountain. Foi alertado de que era uma montanha russa no escuro, mas talvez por não conseguir visualizar do que se tratava, ele fez pouco caso e resolveu encarar, junto com a gente.

Após o drama feito pela Heglay (já desesperada só de imaginar seu filho numa montanha russa pela 1ª vez), partimos lá para dentro. O carrinho do brinquedo, por sorte, é de três pessoas e assim resolvemos deixar o Antonio no meio. A Gabi, como corajosa que é (encarou todas as montanhas russas no 1º carrinho como vc´s verão), foi na frente e eu atrás, para que pudesse segurar melhor o pobre menino, com meus braços em seus ombros (no estilo fila indiana).

Ao ver ele sentado, já senti que a coragem que ele demonstrava lá fora já não era a mesma. O pobre coitado, ao ver aquele foguetinho e um paredão escuro a sua frente, meio que titubeou. De longe se via seus olhos arregalados! Hehehe…

Partimos, e já na primeira descida… CADE O ANTONIO???? Hauhauhauha… O menino simplesmente derreteu que nem manteiga para dentro do carrinho, e eu atrás já não conseguia mais segura-lo pelos ombros. Era só grito: “Segura Antonioooo… Seguraaaa!!! Antonio, cadê vc???” Tadinho, ele não se mexia. Estático dentro daquele foguete e completamente encolhido, provavelmente se perguntando que maldita coragem era aquela que lhe fez encarar aquela maluquice!

Em minutos, toda nossa alegria e desespero do Antonio acabou. P/ mim, a Space Mountain é um dos brinquedos mais incríveis da Disney. Tem todo seu charme e por mais vezes que vc já tenha ido, as curvas em alta velocidade no escuro são sensacionais! Agora para o Antonio acho que foi traumatizante coitado! Hehehe…

Superado, partimos para mais diversão, passamos por diversos brinquedos, o Antonio conseguiu seus vários autógrafos e ai, por mais uma vez passamos por uma situação engraçada.

 

Deixamos o Antonio e a Heglay na fila para conseguir o autografo do Pooh e do Tigre e partimos para mais uma volta na Big Thunder Mountain Railroad. Mas infelizmente fomos surpreendidos com o fechamento da mesma para manutenção. Assim voltamos para a fila junto com os dois e aguardamos “pacientemente” pelos autógrafos e foto.

Ao chegar a nossa vez, me deparei com a situação inusitada, como disse acima e o que vou relatar aqui, não foi ciúmes, juro. Fui obrigado a aturar o Tigre dando em cima da Gabi descaradamente. O safadinho olhava para ela e fingia se abanar de calor, colocava a mão na boca e ao final ainda fingiu que lhe daria um beijo! Ahhhh tigre safado! RS….

Superado esse momento, decidimos comer algo e como ainda não havíamos levado um lanche mais preparado, acabamos optando por comer no The Pinocchio Village Haus. Bom restaurante, com culinária típica americana. Optamos por Massas e Caesar Salad.

Praticamente com todo parque percorrido, partimos para a Main Street em busca de um local confortável para assistir ao show final, Wishes!!! De lá acompanhamos a transformação do castelo e o maravilho show de fogos, cuja música serve de fundo na edição do vídeo desse dia.

Saímos do parque já bem de noitinha, cansados, mas contemplados! Nosso 1º dia havia sido MARAVILHOSO! Dali, fomos comer algo (não, não fomos no Oliver Gardens como o filme fala, ficou para outro dia) e partimos para o hotel para descansar pois no outro dia encararíamos o EPCOT CENTER! SERÁ?! Hahahaha… Algumas surpresas veem por ai! Aguardem! 

 


Nova campanha será recheada de surpresas durante todo ano de 2013

Além da maior expansão de Walt Disney World em 41 anos, com a inauguração em dezembro da nova área de Fantasyland, no Magic Kingdom, os parques da Disney lançaram esta manhã, em Nova York, a campanha Limited Time Magic, que oferecerá surpresas nos parques e resorts do Reino Encantado, como o próprio nome diz, apenas por um período específico. São experiências diferentes e mágicas, que se sucedem e desaparecem quando a seguinte inicia. A campanha durará 52 semanas.

Para marcar o lançamento, uma dessas surpresas foi montada na Times Square, em frente à loja da Disney: uma versão de gelo do Castelo da Cinderela! 

O castelo em Nova York tem sete metros altura, dois de profundidade e quatro metros de largura. Foram usadas 20 toneladas de gelo, em 37 pedaços.

O gelo é bastante simbólico e define a campanha: como está ao ar livre, desaparecerá logo e será uma experiência por tempo limitado. Apenas poucos felizardos terão sua foto com o castelo de gelo ao fundo.

Para anunciar a surpresas da semana, a Disney utilizará seus sites e redes sociais mantendo o visitante sempre atualizado do que irá acontecer nos parques e resorts. Os visitantes e hóspedes também poderão ser convidados a votar no personagem que gostaria de ver no parque ou até mesmo ser enviado em gincanas com dicas para descobrir o que há de novo ou diferente.
“É uma maneira divertida, alegre e totalmente nova de envolver as pessoas com a Disney”, afirmou Leslie Ferraro, vice-presidente executivo de marketing e vendas globais da Walt Disney Parks and Resorts, em uma entrevista coletiva em Manhattan.
A Disney divulgou alguns exemplos do que os visitantes podem esperar nos parques. 

Na experiência True Love, por exemplo, durante a semana do Dia dos Namorados (Valentine Week, em fevereiro), haverá menus especiais nos restaurantes Disney, os príncipes circularão com suas princesas (geralmente só elas aparecem nos parques) e haverá produtos e decoração exclusivos para essa semana. Na semana seguinte, tudo desaparece. E começa nova experiência por tempo limitado.

Na Semana da Independência americana (semana de 4 de julho), a Disney saudará os americanos vestida de vermelho, branco e azul. Camisetas especiais, orelhas do Mickey patrióticas e uma roupa especial para o Mickey Mouse estão entre as surpresas.

Também haverá o Long Lost Friends Week (Semana dos Amigos “Perdidos”), que levará aos parques personagens menos conhecidos ou que há muito tempo não vemos, como Flik, a vaca Clarabelle, Remy, de Ratatouiile, Tweedle Dee e Tweedle Dum. Os visitantes poderão votar on-line em que personagens querem ver no sparques.

Para saber que atrações haverá em cada semana (algumas serão anunciadas pouco tempo antes), os visitantes devem acessar o site da Disney.

Primeiro Ingresso da Disney!

Vc lembra quando foi sua primeira vez na Disney?

Muitos guardam o primeiro ingresso como lembrança desse momento especial, como o dessa foto. O da foto acima, é o 1º ingresso vendido pela Disney World em 1955 e hoje, com certeza, deve valer uma nota! rs…

Ainda não foi a Disney? Está esperando o que para conhecer o Mundo Mágico de Disney World?

E o MS tem novidades a caminho… Logo logo estaremos desembarcando na Terra Encantada novamente, com algumas novidades! E que venha a contagem regressiva…

Vamos viajar!!!